"Justo é o SENHOR em todos os seus caminhos, e santo em todas as suas obras. " Salmos 145:17

Notícias

A Cura da Lepra de Naamã

Apóstolo Edilson Vicente.

terça, 30 de maio de 2017

A Cura da Lepra de Naamã
A Cura do Leproso Naamã / 2 Reis 5:1-14.

Naamã, comandante do exército da Síria, era homem poderoso e muito conceituado no seu país.
O Senhor lhe concedera muitas vitórias, Naamã, porém, era leproso e estava fadado à morte.
Nesse tempo, as tropas da Síria, haviam levado cativa uma menina da terra de Israel, que ficou a serviço da mulher de Naamã. A menina serva havia falado à sua senhora que em Israel tinha um profeta que poderia curar o General Naamã.

Assim como aquela jovem, somos chamados para apregoar as boas novas de Jesus Cristo aos perdidos, independentemente dos nossos problemas pessoais,pois, que quem nos recompensará será o Deus de Israel.

Naamã usava uma farda muito linda, mas por dentro era leproso. Nós precisamos ter cuidado para não vivermos de aparências, nos enganando e enganando a outros. Percebe-se em quase todas as classes sociais, que as pessoas usam máscaras, fingem uma aparência, para esconderem suas feridas, assim como Naamã maquiava suas lepras. Fingimos entre amigos, no casamento, entre pais, filhos e etc.

A vida seria mais simples se deixássemos as aparências de lado.
A jovem israelita, temente a Deus, havia sido um canal de resposta e esperança para o seu patrão Naamã que, imediatamente, foi ao encontro do rei de Israel, levando consigo pagamentos para receber a sua cura.

Naquele século, a Síria e Israel passavam por períodos de guerra e de paz alternados, com períodos de colaboração.
O rei de Israel não sabia o que fazer a respeito do pedido do rei da Siria para curar Naamã e rasgou as suas vestes em sinal de luto e desespero.
O profeta Eliseu tomou conhecimento do caso e mandou que Naamã viesse a ter com ele.
Então, o profeta, sem sair para falar como general, ordenou que o ele fosse ao Rio Jordão lavar-se por sete vezes e logo ficaria curado.

Por não ter sido atendido pessoalmente pelo profeta, o general muito se indignou, pois, pensara que seria honrado pelo homem de Deus, que Elizeu passaria a mão sobre as feridas e que seria assim, e assim, conforme ele havia previsto. Como não foi do jeito dele, ficou muito indignado, com o orgulho ferido e se dispôs a ir embora, sem obedecer à ordem de descer ao Jordão.
Deus sabia que, além da suas feridas externas, Naamã tinha uma ferida interna muito maior e mais terrível: ele era um homem extremamente orgulhoso!

Mas depois, ouvindo seu amigos oficiais, voltou, obedeceu a ordem de descer sete vezes ao Jordão e ficou curado completamente curado.
Precisamos nos humilhar para recebermos a cura nas nossas feridas, pois, Deus age de forma perfeita. Ele é soberano e absoluto.

O nosso maior desafio é abrir mão do orgulho e, caso não o façamos, esse mesmo orgulho impedirá que sejamos grandemente abençoados. O orgulho é a galinha que choca todos os outros pecados.
Caso Naamã não tivesse dado ouvidos aos conselhos de seus oficiais e se humilhado diante de todos, vencendo o seu orgulho, ele jamais se alegraria por ter recebido uma carne completamente restaurada. Depois do milagre, reconheceu que havia um Deus Poderoso em Israel, tornando-se um verdadeiro adorador.

Nos render aos comandos de Deus e a seus profetas poderá, sim, gerar grandes desconfortos, mas é o melhor a se fazer. Cada vez que precisarmos de cura nossas feridas serão expostas.
Sejamos mais humildes em reconhecer nossas falhas arrependendo-nos de nossos pecados, para desfrutarmos da grande alegria das bênçãos do Deus Altíssimo para nós.

Referências Bíblicas:
2 Reis 5; 1-17
Provérbios 16; 18
Lucas 18.

Link:

Notícias relacionadas

Horário de Cultos

Rede Jovem - Sábado às 19:30 horas
Culto da Família - Domingo às 18 horas
Rede de Adolescentes - Sábado às 16:30 horas
Rede de Crianças - 1° Sábado do Mês às 14 horas

(67) 3042-1212

Av Mato Grosso, n° 3566 - Coophafé
Campo Grande / MS
CEP: 79021-151

Desenvolvido por: Youzoom Soluções Web